Follow by Email

Postagens populares

segunda-feira, 30 de março de 2009

Harmonia


Buganvília meio idosa, galhos finos... alguns quase que totalmente sem folhas e flores; outros recobertos completamente! Flores, flores, folhas...
Num desses desnudos galhos, pousa um passarinho. O galho balança, balança, balança: é uma corda bamba de circo. O equilibrista mostra a maior classe: não se afeta, não se perturba. O seu equilíbrio não é só com o galho, é também com a natureza... Parece mais parte da planta do que um ser independente. Abre uma das asas, cutuca com o bico não sei o quê, belisca o pé, sacode-se, acomoda-se, imobiliza-se.
No momento em que controla sua submissa corda, voa novamente a um outro galho com tanta destreza que um artista laureado sentiria inveja.
A planta não parece incomodar-se, ao contrário, mostra-se dengosa, faceira. Facilita os movimentos coordenados dos seus galhos com seu parceiro de brincadeiras.
A harmonia vence... E tudo recomeça.

2 comentários: